Corpo de Bombeiros realiza formatura de nova turma de mergulhadores de resgate
Publicado: 21 de novembro de 2019 - Hora: 09:03

Corpo de Bombeiros realiza formatura de nova turma de mergulhadores de resgate

 

O EVENTO – Na manhã desta quarta-feira (15), o Corpo de Bombeiros Militar do Pará realizou a solenidade cívico militar de formatura da nova turma do Curso de Mergulho Autônomo de Resgate (CMAUT), no Instituto de Ensino de Segurança do Pará – IESP. O pelotão de formandos se posicionou dentro da piscina do Instituto para tomar lugar no dispositivo de formatura sob o comando do Coordenador Geral do curso, Major Ricardo Pereira (CBMPA). O hino “Soldado do Fogo” do Corpo de Bombeiros foi entoado pelas pessoas presentes no local sobre os acordes da Banda Sinfônica do CBMPA para dar início a cerimônia.
O Curso foi aprovado por meio de resolução do Conselho Superior do IESP, e teve por objetivo formar profissionais em condições de planejar e executar trabalhos hiperbáricos tanto em águas límpidas, como em águas escuras, utilizando equipamentos autônomos de circuito aberto ou equipamentos de mergulho leve, qualificando-os com conhecimentos, habilidades e competências para servir a sociedade. Foram ofertadas 30 vagas para oficiais/praças do CBMPA e outros órgãos militares, contudo, apenas 12 militares conseguiram finalizar o curso e alcançar o brevê, oriundos de quartéis da região metropolitana de Belém e do interior do Estado.
Participaram do evento Diretores das seções do CBMPA, além do Coronel Marcos Aurélio, que foi o primeiro mergulhador do Corpo de Bombeiros, formado no CMAUT da Marinha do Brasil em 1985, no estado do Rio de Janeiro. “Existe dentro de cada um de nós, mergulhadores, o desejo de servir porque somos técnicos, e acima de tudo, não podemos esquecer do preparo físico e do preparo intelectual. É isto que nos preserva nas águas bravias e escuras da Amazônia Brasileira. O público nos considera heróis, então temos que lembrar do que nos foi ensinado durante o curso do IESP. Os familiares dos formandos devem ficar tranquilos, pois os mesmos estavam nas mãos dos melhores instrutores de mergulho do estado do Pará. A missão prossegue, o bastão agora está com essa nova turma; eles têm o dever de serem melhores que seus instrutores.” disse o Coronel.

HISTÓRIA – Este é o 9º Curso de mergulho de resgate que o CBMPA promove. Além da turma de 1988, a instituição teve o CMAUT nos anos de 1995 com 10 formandos, 1997 com 09 formandos, duas turmas no ano de 2001 (a primeira com 08 formandos e a segunda com 10 formandos), a turma do ano de 2005 com 08 formandos, turma de 2012 com 12 formandos e a turma de 2014 também com 12 formandos. De acordo com o Grupamento Marítimo Fluvial (GMAF) e IESP, ao longo da história do mergulho do Corpo de Bombeiros do estado do Pará, houve mergulhadores formados não apenas no CBMPA, mas em distintas localidades como: na Marinha do Brasil, nos Corpos de Bombeiros do Distrito Federal, São Paulo, Mato Grosso, e Amapá, totalizando 97 mergulhadores. Atualmente, permanecem em atividade 35 mergulhadores, pois muitos já ingressaram na Reserva Remunerada, alguns estão a disposição de outros órgãos, e outros faleceram fora da atividade. Ressalta-se que o CBMPA não registrou nenhum acidente de mergulho em sua história, tanto na atividade fim, quanto nas instruções.
O Major Ricardo, Coordenador Geral do Curso, enfatiza a satisfação de se chegar ao final dos treinamentos sem acidentes ou maiores problemas. “Esse curso apresenta diversos registros de acidentes na formação e também na execução da atividade, e Deus protegeu o CBMPA até hoje mesmo após 20 anos de mergulho.” Além disso, ressalta que isso se dá pela somatória de esforços, que reunidos, proporcionam a execução do momento da formatura. “Gostaria de agradecer a Diretoria de Ensino e Instrução do CBMPA, na pessoa do Diretor Coronel Sarmanho, e Subdiretora Tenente-Coronel Alessandra, pela execução do mesmo, bem como o Comandante Operacional Coronel Pinheiro, que deram bastante apoio ao curso. Todas essas dádivas são dignas de reconhecimento. Estamos diante de treinamentos muito difíceis, tanto para alunos como para instrutores, então parabenizo a todos. Às vezes, nos perguntamos o que acontece na cabeça de quem escolhe ser mergulhador de resgate. É algo que vem de dentro, do fundo do coração. Então a satisfação que temos, vale muito mais que qualquer coisa. Parabenizo mais uma vez esses alunos que estão formando, elogio a cada um dos senhores que chegaram até o final, por terem insistido apesar dos problemas. É uma vitória não somente para nós, mas para toda a instituição do CBMPA.”

PREMIAÇÃO – Diante dos esforços dos formandos, foram classificados as três primeiras posições do curso a nível geral, respectivamente em 1°, 2° e 3° lugar: Soldado Valdemir Cordeiro da Costa, Soldado Pedro Wilhamis Seabra Abreu, e o Major Diego de Andrade Cunha. O Soldado Valdemir, em 1º, manifestou a sua alegria em estar na posição mais almejada pelo militar. “É um honra poder fazer parte dessa família. Impossível não se emocionar. Todos sabem a dificuldade que passamos, tudo o que superamos para prestar serviço à sociedade. Não chegamos aqui sozinhos, todos os dias fazíamos orações e pedíamos a proteção divina. Deus se propõe a nos dar proteção até debaixo d’água se preciso for. Então estamos aqui, concluindo o curso, que para mim, era um sonho profissional.” disse, emocionado. “Agradeço a todos os familiares que aqui estão, pois também foram responsáveis pelo nosso sucesso, pois nos ajudaram em todos os momentos. Agradeço os meus instrutores que nos passaram seus conhecimentos da melhor forma possível, todos têm uma parcela especial nessa nossa formatura, pois se dispuseram em nos ensinar, estarem na linha de frente desse curso, e não é a toa que estamos nos formando. E em nome da turma, agradeço a todos que de alguma maneira colaboraram para esse curso findar. E agora, somos mergulhadores de resgate!”
Os 12 militares foram agraciados pela entrega dos certificados através de seus familiares, que muito contentes, puderam fazer parte do evento.
Os novos mergulhadores estarão atuando na proteção e resgate da sociedade, a fim de transmitir para a mesma segurança e credibilidade aquática que o CBMPA sempre vem realizando aos longos dos anos.
O Capitão Leandro Tavares, Coordenador Técnico do Curso, comandou o tradicional “fora de forma” e a Oração do Mergulhador aos concluintes do CMAUT 2019, encerrando a cerimônia.

 

ASCOM CBMPA

TEXTO: Igor Luz

FOTOS: Sargento Carlos