Bombeiros alertam sobre os riscos de afogamentos em Outeiro
Publicado: 12 de julho de 2017 - Hora: 11:22

Bombeiros alertam sobre os riscos de afogamentos em Outeiro

Trinta e cinco guarda vidas do Corpo de Bombeiros estão atuando durante esse período de julho nas praias de Outeiro, e alertaram neste domingo (9), os veranistas sobre os riscos de afogamentos, pois o balneário possui canais e algumas áreas com declives.

De acordo com o Cabo Rafael Viana, a maior preocupação dos guarda vidas em Outeiro é evitar afogamentos de crianças, porque muitas, principalmente na faixa etária de cinco anos, saem com facilidade da margem da praia, devido à falta de atenção dos pais, e acabam se afogando com facilidade. ” Os pais ou responsáveis devem sempre estar juntos com suas crianças, observando para que não se afastem da margem, e também as pessoas adultas devem evitar nadar para o fundo, pois incitam as crianças nadarem para esses locais”, frisou.

Os guarda vidas estão equipados com nadadeiras, tubos de salvamentos e apitos nas margens das praias de Outeiro, trabalhando na prevenção de acidentes. Apesar de todo o empenho dos militares, persistir a ação de alguns veranistas que não respeitam as orientações dos bombeiros e ultrapassam a área permitida para o banho, sendo necessário o uso de apito e da moto aquática para fazer advertência.

A praia da Brasilia em Outeiro é considerada pelos bombeiros uma das mais perigosas, pois tem um canal em que não é aconselhável tomar banho próximo, por apresentar risco de afogamento. Também a praia possui na extensão de areia um local com várias galerias que oferece risco de acidente, pois as pessoas podem cair e sofrer ferimentos.

Os bombeiros além de ficarem de prontidão nas margens das praias, também ficam de prontidão em jet sky, em flex boat (pequena embarcação), em duas barracas de atendimentos montadas na praia, e em Unidade Resgate. A banhista Taila do Nascimento considera o trabalho dos bombeiros muito importante nas praias de Outeiro. ” O serviço do Corpo de Bombeiros é fundamental para evitar acidentes, principalmente com crianças, pois eles repassam orientações que deixam os pais mais atentos, também entregam pulseiras de identificação, onde colocam o contato dos responsáveis, sendo uma maneira mais fácil de encontra as crianças caso se percam”, comentou.

O Corpo de bombeiros do Pará conta com apoio para realizar o serviço de proteção balneária em Outeiro, da Policia Militar do Pará; da Guarda Municipal de Belém, Defesa Civil Municipal e da Defesa Civil Estadual.

“Estamos com três técnicos da Defesa Civil que estão trabalhando neste mês de julho nos finais de semana nas praias, entregando pulseira de identificação para crianças e folderes contendo dicas de prevenção de acidentes para banhistas e moradores da localidade. Também estamos colocando banner com orientações a respeito das prevenções nas áreas de risco que já foram mapeadas pela Defesa Civil Municipal e Estadual”, finalizou a Major Ciléia Mesquita que está coordenado o serviço da Defesa Civil Estadual nos balneários.

Texto: Soldado Roclane Damasceno

Fotos: Sargento Carlos Cesar