SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA E O COMANDANTE GERAL DO CBMPA CRIAM COMITÊ PARA TRATAREM DO SISTEMA DE DRENAGEM E ESCOAMENTO DOS CANAIS DO CURIÓ-UTINGA AFIM DE REDUZIR OS ALAGAMENTOS

Na manhã de hoje (09/12) o Secretário de Estado de Segurança Pública, Delegado Ualame Machado e o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar do Pará, Coronel Hayman, participaram da reunião que culminou com a criação do Comitê de Estudos para as obras e serviços de contenção e redução dos alagamentos no bairro do Curió-Utinga.

 

Estiveram presentes na Sala de Situação da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC) representantes de diversos órgãos, como SEDOP (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas), SESAN (Secretaria Municipal de Saneamento), COSANPA (Companhia de Saneamento do Pará), COMPDEC (Coordenadoria Municipal de Defesa Civil), Empresa EQUATORIAL Energia e representantes do Fórum de Entidades (Curió-Utinga).

 

Na reunião foi tratado da situação dos alagamentos que vem acontecendo no bairro, em que os representantes do órgãos públicos discutiram possíveis soluções para este problema que é bem antigo, mas que os moradores do bairro precisam de uma resposta do poder público, como destacou o Comandante Geral do CBMPA, Cel BM Hayman, além de afirmar que é papel da segurança pública cuidar do bem estar social.

 

As secretarias municipais falaram dos serviços que estão sendo feito e dos serviços necessários para aumentar o escoamento das águas dos canais de Marti, Murucutu e Ana Deuza, para amenizar seus efeitos nocivos na época do inverno amazônico.

 

O Secretário de Estado de Segurança Pública destacou a importância para a assinatura de convênios entre Governo de Estado e Prefeitura de Belém, a fim de agilizar as obras necessárias para drenagem dos canais.

 

O Secretário Ruy Cabral, SEDOP, agradeceu a participação da comunidade na discussão e afirmou que a secretaria está pronta para avançar nos estudos para uma solução eficiente quanto aos alagamento do Curió-Utinga, para tanto sugeriu a criação de um Comitê Multidisciplinar para discutir em conjunto soluções em comum.

 

A Tenente-coronel Cilea Mesquita, Coordenadora Adjunta de Defesa Civil, se propôs a ser a articuladora deste Comitê e já agendando uma próxima reunião ainda neste mês de dezembro juntamente com os órgãos envolvidos e mais a nova equipe do governo municipal. Quanto mais cedo acontecer os trabalhos e as discussões, mas cedo virá as soluções para este problema das inundações no Curió-Utinga, afirmou a Tenente-coronel.

 

Texto: Sgt Jean Corrêa e Letícia Lima

Fotos: Letícia Lima