RAPIDEZ E AGILIDADE NO ATENDIMENTO DE OCORRÊNCIA SALVA VIDAS E PATRIMÔNIO NA ORLA DE BELÉM.
Publicado: 3 de outubro de 2017 - Hora: 08:22

RAPIDEZ E AGILIDADE NO ATENDIMENTO DE OCORRÊNCIA SALVA VIDAS E PATRIMÔNIO NA ORLA DE BELÉM.

No final da tarde do domingo (01/10/2017) uma lancha colidiu com pedras existentes em frente a ilha da barra, na orla de Belém, vindo a pique oferecendo risco de afogamento aos seus passageiros. De imediato a guarnição do 1º GMAF foi acionada para realizar a salvatagem e resposta à ocorrência, que fica a poucos quilômetros do pier do Grupamento, o que permitiu que a equipe chegasse muito rápido e executasse a salvatagem das vidas e patrimônio envolvidos no sinistro.

Rapidamente a equipe realizou a ancoragem da lancha, que já estava quase submersa, e a deslocou até o porto Brucutu, pertencente a Força Aérea Brasileira, enquanto concomitantemente era realizada a segurança das vítimas que, por estarem equipadas com coletes salva-vidas, evitaram uma tragédia mais grave.

Segundo o Capitão Marco Scienza, Comandante do 1º GMAF “o uso do colete salva vidas pode significar a diferença entre a vida ou a morte nestes momentos, por isso a ação preventiva tem sido o foco do Grupamento Marítimo durante este ano, em que já tivemos diversas mortes que poderiam ser evitadas com esta simples atitude”, e acrescenta que ” o CBMPA através do Grupamento Marítimo junto a todos os órgãos governamentais e a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático, faz questão de frisar em todos seus deslocamentos e contato com os usuários de embarcações o quanto é essencial o uso dos coletes, apesar da grande resistência de nosso povo que nasce e cresce na beira dos rios e igarapés, abusando então da auto-confiança”.

A ocorrência contou também com o apoio da equipe do 1º GBS após a atracação da lancha sinistrada à margem, garantindo assim mais vidas salvas devido a presteza e dedicação de nosso militares.

 

Texto: B5 do 1º GMAF

Fotos: SGT MG 76 LISBOA

Compartilhar: