Militar do CBMPA Conclui Curso de Geoprocessamento para Incêndios Florestais no CBMMT
Publicado: 2 de junho de 2017 - Hora: 12:17

Militar do CBMPA Conclui Curso de Geoprocessamento para Incêndios Florestais no CBMMT

O 1º TEN Clebson Luiz Costa da Silva, Subcomandante do 7º GBM- Itaituba, concluiu o Curso de Geoprocessamento para Incêndios Florestais realizado no período de 15 a 20 de Maio de 2017. O Curso foi realizado no Estado do Mato Grosso e organizado pelo CBMMT durante a 1ª Semana de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais do Estado.

O objetivo da realização do curso foi capacitar civis e militares para atuarem durante a temporada de incêndios florestal com enfoque na área de monitoramento de focos de calor e áreas queimadas, bem como, subsidiar as ações de combate e perícias de incêndio florestais.

O 1º Tenente Luiz destacou que: “A capacitação dos bombeiros militares para desenvolvimento das atividades de monitoramento florestal por meio de ferramenta de gestão do fogo visa efetivar não só as ações reativas, mas principalmente o planejamento preventivo na área de incêndios florestais e a retroalimentação do sistema como um todo. Vejo como importantíssimo os conhecimentos adquiridos no curso e pretendo disseminá-los no CBMPA o mais breve possível”.

O curso foi ministrado pelo Major do CBMMT Jean Carlos de Arruda Oliveira, Bacharel em Gestão de Riscos Coletivos- UFPA e especialista em Prevenção, Controle e Combate a Incêndios Florestais; pelo Engenheiro Sanitarista e Ambiental-UFMT Nathan Campos Teixeira, também Especialista em Prevenção, Controle e Combate a Incêndios Florestais e mestrando em Engenharia Ambiental pela UFSC e contou ainda com a participação do Tcel BM Barroso- CBMMT, grande especialista da área e aluno do curso. O curso contou com as seguintes disciplinas: Geoprocessamento e sensoriamento remoto, sistema de informação geográfica (SIG), softwares aplicados ao geoprocessamento, mapa de cicatriz de queimadas, monitoramento de focos de calor, provas práticas e teóricas, dentre outras.

Sabendo que a temporada de incêndios florestais no Estado do Pará se acentua nos meses de julho a outubro, o 7º GBM Itaituba, iniciará os trabalhos preventivos e treinamentos ao corpo de tropa já no mês de junho. O objetivo é efetivar a questão do monitoramento já neste semestre e divulgar o trabalho realizado nas instituições do Oeste Paraense.

Texto: BM5/7º GBM

Fotos: 1º Ten Luiz

Compartilhar: