UIPP da Terra Firme oferece curso de brigada de incêndio

uipp 3 uipp 2

A Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros Militar do Pará iniciaram, nesta terça-feira, 10, o primeiro Curso de Brigada de Incêndio voltado especificamente para a comunidade. Por meio da Assessoria de Relações Interinstitucionais (Arin), da Polícia Civil, as aulas estão sendo realizadas na sede da UIPP (Unidade Integrada Pro Paz), na avenida Celso Malcher, bairro da Terra-Firme, na capital.

uipp 1 uipp

Ao todo, 50 pessoas assistirão ao treinamento teórico e prático que visa levar conhecimentos para prevenir e combater incêndios em ambiente doméstico. Assim, as pessoas poderão atuar em situações como princípios de incêndios e vazamentos de gás de cozinha. Durante este curso, o manuseio de extintores de incêndio, por exemplo, será uma das disciplinas. As aulas serão realizadas até sexta-feira, de 8 horas da manhã até meio-dia.

O curso atende uma demanda da população da Terra Firme e do Guamá, dois dos bairros com maior incidência de acidentes relativos a vazamento de gás de cozinha (Gás Liquefeito de Petróleo – GLP) e curto-circuitos elétricos na Região Metropolitana de Belém. Além disso, o conteúdo ensinado é exigido em várias empresas na admissão de um novo funcionário, que deve saber o que fazer em casos de incêndio e acidentes.

Waldenize Braga, assessora da Arin, explica que foi feito um levantamento estatístico nos dois bairros e por isso estes são os primeiros atendidos pelo curso. “Além da preocupação com a segurança da comunidade, que aprende a lidar com ocorrências deste tipo, nós estamos oferecendo uma oportunidade de qualificação para a população”.

O Sargento Lima, do Corpo de Bombeiros, responsável pelas aulas, avalia que este curso é também uma ação preventiva da corporação. “Nós formamos o jovem antes dos acidentes acontecerem. Além de aprender como evitar situações de risco, eles saberão como proceder de forma correta nestas ocasiões. Desta forma podem auxiliar a comunidade até a chegada do Corpo de Bombeiros, que deve sempre ser acionado”. Sobre o mercado de trabalho o sargento complementa: “as empresas de grande porte cobram este tipo de curso, os funcionários devem saber técnicas de prevenção de acidente e primeiro socorros”.

A busca por novas alternativas de conhecimento levou Breno (19 anos) e Brena (18 anos) Pantoja a sede da UIPP. Eles são irmãos, moradores da Terra Firme e fazem parte da Pastoral da Juventude do bairro. “Considero este curso enriquecedor, me interesso muito por este assunto, pois aqui no bairro acontecem muitos acidentes. Ainda existe a exigência do mercado de trabalho, que cobra esta capacitação”, diz Breno. Bruna pensa em enriquecer seu currículo: “todos os cursos que acontecem me interessam, acho muito importante me manter bem informada, é uma boa oportunidade de qualificação”.

O conteúdo das aulas é dividido em quatro dias com um total de 20 horas de curso. Nesta quinta-feira, 12, serão realizadas as aulas práticas. O Corpo de Bombeiros irá isolar uma área em frente à UIPP para ministrar a técnica de controle de fogo. Logo após a turma irá a casa de um dos alunos para aprender como proceder em caso de vazamento de gás de cozinha (GLP) e ações de prevenção.

Primeiros Socorros

O mesmo curso será realizado em agosto, no distrito de Outeiro, em Belém. A parceria conta com apoio do tenente-coronel Heliel Monteiro, diretor de Ensino e Instrução do Corpo de Bombeiros Militar do Pará. Além do curso de Brigada de Incêndio, a parceria com os Bombeiros também possibilita a realização de outro curso gratuito à comunidade, o de primeiros-socorros. "A meta é beneficiar mais de 200 pessoas até o final do ano com cursos gratuitos na Região Metropolitana de Belém. A primeira área da Grande Belém que recebeu os cursos foi Icoaraci, no mês passado, quando foi realizado o curso de primeiros-socorros", ressaltou Waldenize Braga, titular da Arin.

O curso de primeiros-socorros tem por objetivo habilitar as pessoas para prestação de primeiros socorros sempre que alguma situação exigir, como desmaios e acidentes domésticos. Em maio, o bairro do Jurunas vai receber o curso de primeiros-socorros. O mesmo curso será levado em junho ao bairro do Tapanã no distrito de Icoaraci; em setembro, ao bairro da Condor; em outubro à Pratinha e em novembro ao Benguí.

* Com a colaboração de Júlia Garcia - Secom

Texto:
Walrimar Santos - Polícia Civil